Impressão artística e elegante é o terno usado frequentemente para designar tiragens fotográficas profissionais em papéis de ótima qualidade. Essa denominação, que não é um rótulo, responde a certos critérios de qualidade, notadamente no nível do papel, buscados por numerosos fotógrafos e impressores.
 

Profissionais seduzidos pelo papel artístico e elegante

 
A diferença entre o papel artístico e elegante e o papel fotográfico normal reside na própria composição do papel. De fato, fibras naturais (algodão ou alfacelulose na maior parte dos casos) devem entrar na composição do papel artístico e elegante. O papel não é branqueado artificialmente com cloro, o que garante a durabilidade das fotos ao longo do tempo. Uma vantagem significativa para a fotografia artística!
 
O papel fotográfico normal atende às necessidades específicas de impressão de fotos a serem consultadas ocasionalmente, enquanto que um papel artístico e elegante assegura um belo realce da imagem e uma boa resistência a exposição.
 

Papel artístico e elegante: uma tiragem feita para durar

 
Sendo o papel artístico e elegante destinado a impressões fotográficas de altíssima qualidade, sua capacidade de receber as tintas e pigmentos deve ser ideal. A composição da camada superficial deve permitir uma boa fixação da tinta ao longo do tempo, tendo um pH neutro para permitir que o papel resista bem ao tempo.
 
Em última análise, um papel artístico e elegante permitirá destacar a composição da imagem em um suporte ideal para cores intensas e contrastes marcantes, ao mesmo tempo em que possibilita fortes nuances de cinza.
 
No momento de imprimir suias fotos profissionais não deixe de conversar com o impressor-chefe do seu laboratório certificado Canson® Infinity. Ele saberá orientá-lo na escolha do papel mais adequado para tornar mais sublime o seu trabalho.
 
Voltar às FAQ